Copy
 
Inscreva-se já!
No Poupar Está o Ganho é um programa de educação financeira, que tem início anualmente com o ano letivo e que disponibiliza a professores e alunos, todos os recursos pedagógicos necessários à sua implementação.

Desde 2010 que No Poupar Está o Ganho capacita crianças e jovens para, desde cedo, lidarem com o dinheiro e adquirirem comportamentos que contribuam para o seu bem estar financeiro e das suas famílias, hoje e no futuro.
A Fundação Dr. António Cupertino de Miranda adaptou o seu programa de educação financeira No Poupar Está o Ganho a uma modalidade 100% digital

Para além da modalidade já existente, apresenta agora uma versão inovadora: No Poupar Está o Ganho 4.0, onde até a visita ao Museu do Papel Moeda, em vez de ser presencial, poderá ser realizada online.
Aceder à plataforma
  • Promover a educação financeira das crianças
  • Apoiar as escolas na implementação da Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania, a qual tornou a educação financeira obrigatória para os alunos, pelo menos em 2 dos 3 ciclos do Ensino Básico
  • Desenvolver hábitos de poupança
  • Promover o consumo responsável
  • Promover uma relação saudável com o dinheiro, sabendo gerir o aspeto emocional das opções
  • Dar formação financeira a professores, capacitando-os para transferir conhecimentos financeiros aos seus alunos
  • Promover a aprendizagem online
A alunos do pré-escolar e de todos os ciclos de ensino básico, secundário e ensino profissional.
Como se implementa?
Metodologia de aprendizagem à distância, em contexto de sala de aula e também em contexto familiar, com mediação do professor e orientação do Serviço de Educação do Museu do Papel Moeda.

Abordagem dos conceitos de educação financeira a partir de situações do dia a dia que envolvem questões financeiras, estabelecendo a articulação com a componente curricular de matemática, nomeadamente ao nível da realização de exercícios práticos.

Todos os recursos educativos disponibilizados são desenvolvidos pela Fundação Dr. António Cupertino de Miranda com o apoio e revisão científica da Faculdade de Economia da Universidade do Porto.
Utilização ilimitada durante todo o ano letivo da plataforma de educação financeira www.nopouparestaoganho.pt.

É uma plataforma responsiva que permite a visualização de conteúdos através de tablets e smartphones com a mesma qualidade que são visualizados no computador, na escola e em casa.
Alunos e professores têm acesso:
  • Conteúdos adaptados aos diferentes anos de ensino
  • Centenas de fichas de exercício sobre todos os temas do Referencial de Educação Financeira (REF)
  • Material de apoio, livros, desafios, regulamentos
  • Jogos didáticos online
  • Visita online ao Museu do Papel Moeda
  • Notícias
Conteúdos e ferramentas específicas para professores:
  • E-Caderno do Professor
  • Ações de Formação online sobre os diferentes temas
  • Proposta de cronograma para orientação das sessões
  • Planos de aula
  • Acesso aos resultados das fichas de forma individual por aluno

• A educação financeira passou a ser obrigatória em 2018,  na sequência da publicação da Estratégia Nacional da Educação para a Cidadania

• Os jovens devem, o mais cedo possível, serem capacitados para a tomada de decisões financeiramente corretas

• Promover o consumo responsável

• Mudar atitudes e comportamentos

• Criação de uma nova geração de consumidores

• O nível de endividamento das famílias portuguesas tem vindo a registar valores próximos dos 130% do rendimento disponível

• A melhor forma de combater o endividamento é através da educação financeira

• Incluir a educação financeira nos projetos educativos das escolas promoverá a mudança de vida de todos os envolvidos - alunos, pais e professores.

"Os alunos adoraram trabalhar neste projeto. Aprenderam muito. Motivaram-se para a importância de saber poupar e de ter atitudes de poupança. Querem continuar a aprender e a aprofundar conhecimentos sobre Educação financeira. Realizaram todas as atividades com com muito empenho e entusiasmo."

Professor do 1º Ciclo do Ensino Básico, Município de Vila Nova de Gaia
 

"Os alunos passaram a ter hábitos de poupança, como por exemplo, guardar o dinheiro que lhes dão num mealheiro, fazer projetos para essas poupanças, diferenciar as despesas necessárias de supérfluas, passar a receber mesada ou semanada e saber gerir esse dinheiro, ir com os pais às compras mais vezes."


Professor do 1º Ciclo do Ensino Básico, Município de Esposende

E-LEARNING - Possibilidade de ser 100% implementado à distância, com recurso a plataforma online acessível por computador, tablet e telemóvel.

CONTINUIDADE - A implementação é feita anualmente, para cada ano letivo, desde 2010.

PROXIMIDADE - A Fundação faz questão de prestar um apoio e acompanhamento permanentes a professores e alunos, numa ligação efetiva e afetiva que liga o Museu às escolas dos Municípios com quem trabalha e garante que o trabalho levado a cabo é sério e produz os resultados desejados.

QUALIDADE E CREDIBILIDADE dos recursos pedagógicos - “Selo de garantia” de instituições como a Faculdade de Economia da Universidade do Porto.

MEDIÇÃO DO IMPACTO SOCIAL - Estudo realizado pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, que concluiu que o programa "tem impacto social positivo tanto no que concerne a um conjunto pré-definido de competências próprias da literacia financeira, como também em atitudes, expectativas, emoções e promoção de “relações familiares empáticas” relacionadas com a gestão quotidiana do dinheiro".

Inscreva-se já!
Facebook
Instagram
Website
Copyright © 2020 Fundação Dr. António Cupertino de Miranda, Todos os direitos reservados.

Caso não queira receber os nossos e-mails pode:

atualizar as suas preferências ou cancelar a sua subscrição
Email Marketing Powered by Mailchimp